Máquina de cartão: um impulso para pequenos negócios

Aumento do faturamento e da segurança motiva empresários a adotarem as maquininhas

Vantagens da Cooperação | 12 de fevereiro de 2019
cooperativa
máquina de cartão
pequenos negócios
SIPAG

Pesquisa divulgada no final de 2018 pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) revelou que 46% dos pequenos negócios já utilizam máquina de cartão para receber pagamentos, um crescimento de 19% em relação ao ano de 2016.

Em se tratando do setor do Comércio, especificamente, a proporção de empresas com máquinas sobe para 62%. E toda essa evolução não é por acaso.

Afinal, oferecer diferentes formas de pagamento aos seus clientes é uma maneira de facilitar a vida deles e de atrair mais compradores. Sem contar que você ainda pode encontrar máquinas com mais vantagens e até opções cooperativas. Confira a seguir.

 

Vantagens de ter uma máquina de cartão

Para entender os reais impactos do uso das máquinas de cartões nos pequenos negócios, o Sebrae questionou mais de 3.000 empresários para saber o que mudou para eles desde a adoção desses aparelhos.

Para 73% dos entrevistados, a principal vantagem foi a segurança, por não ficar com dinheiro em caixa. Além disso, 66% deles disseram também que houve aumento no faturamento e 56% afirmaram que houve aumento na quantidade de vendas.

Alguns também opinaram que a satisfação de seus clientes também aumentou após a adoção das máquinas (6%) e que o tempo gasto para o controle diário de caixa manteve-se o mesmo (57%).

Assim, pode-se perceber que as principais vantagens ocasionadas pelo uso das máquinas de cartão estão diretamente ligadas ao faturamento, aumento de vendas e segurança.

 

Pesquisa Sebrae

O levantamento feito pelo Sebrae também constatou que – entre microempreendedores individuais, microempresários e empresários de pequeno porte – os microempresários são os que mais utilizam as máquinas de cartão até agora (52%).

Além disso, 44% de todos os entrevistados usam esses aparelhos há 5 anos ou mais e 37% dos empreendedores só começaram a fazer uso das máquinas de cartões há 2 anos, sendo que a maioria (72%) possui apenas uma máquina, enquanto 20% possui 2 aparelhos e 8% possui 3 ou mais.

Por outro lado, vale observar que – entre os 54% de empresários que ainda não usam as maquininhas – 80% afirma que prefere outras formas de pagamento; 41% considera alta a taxa de antecipação e desconto de recebíveis; e 36% considera alto o custo da mensalidade ou da compra da maquininha.

Agora, você sabia que pode haver uma solução para isso? Confira a seguir.

Leia também: 5 planos e metas conscientes para 2019.

 

Opção cooperativa

O maior sistema cooperativo financeiro do Brasil, o Sicoob oferece a máquina de cartões SIPAG. Com ela, é possível aceitar as bandeiras Cabal, Master, Visa, Elo, Hipercard, Ticket, Sorocred e American Express.

Além disso, as taxas da SIPAG são bastante atraentes (variam por modalidade, mas costumam ser mais baixas que outras do mercado), já que o próprio modelo cooperativista não está focado no lucro, senão nos benefícios para todos.

Aliás, outro ponto positivo da SIPAG é que se trata de uma solução de recebimento que incentiva o cooperativismo, um modelo socioeconômico mais justo e humano, que promove o desenvolvimento de toda a comunidade.

Quem opta pela maquininha SIPAG também conta com antecipação de recebíveis, garantia de recebimento nas vendas a crédito ou débito e extrato detalhado de vendas.

 

Leia agora: Como ter mais prosperidade em 2019? Cooperando.

  

Foto: Sicoob

Gostou dessa dica? Cooperação começa por aqui, compartilhe esse conhecimento.


Assine nossa newsletter!


    Matérias que você também pode gostar